quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Silêncio

Não sou muito de divulgar publicamente sentimentos mais pessoais, mas ontem, no carro em viagem, ouvi uma música e, sem que eu saiba porquê, parte da letra ficou-me cá dentro.
Aqui vai:

Às vezes o silêncio é de ouro
Outras de prata
Umas de chumbo
E por vezes mata

 ( in O teu murmúrio, by O'questrada)

10 comentários:

  1. Neste momento o silêncio da maioria é de chumbo!

    Excelente foto!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  2. Una magnífica estatua de una mujer bien fotografiado! enhorabuena, hola Cri :)

    ResponderEliminar
  3. Quantas vezes o silêncio tinha valido mais do que um diamante...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é. Muitos deitam pela boca fora o que não devem...

      Eliminar
  4. Talvez resulte daí a impressão que me passas: uma pessoa sempre elegante e ponderada, no trato com a vida e com as pessoas.
    Mas algumas vezes os sentimentos perpassam nosso controle e explodem...

    ResponderEliminar
  5. É bem verdade Amigo Jorge.
    Votos de boa semana.
    G.J.

    ResponderEliminar
  6. " O silêncio é de ouro" o Fotógrafo é de prata e a Câmara é um diamante!
    G.J.

    ResponderEliminar

Obrigado pela visita. Agradeço o seu comentário.