quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Luís Goes - Um amigo

Embora mais velho do que eu, Luís Goes foi uma referência da minha vida académica coimbrã, especialmente porque eu, naqueles tempos, tocava viola e acompanhava vários colegas.
Vim a conhecê-lo pessoalmente em Lisboa onde, no Posto Clínico da Boa Hora, eu tinha uma consulta de Ortopedia e ele de Estomatologia.
Tornou-se um bom amigo.
A notícia da sua morte foi para mim um choque.
Aqui lhe deixo a minha homenagem: um vídeo, que encontrei no YouTube, daquela que eu considero uma das suas melhores interpretações.


Créditos do vídeo: J. Camilo - Blogue "Cadernos de um vagabundo"

6 comentários:

  1. Excelente JORGE, é sempre bom recordar vozes como a dele.
    Não sabia dessa sua vocação para a Viola.
    Abç
    G.J.

    ResponderEliminar
  2. Lindíssimo fado e muito bonito video.
    Uma bela homenagem.

    ResponderEliminar
  3. A voz que simbolizava o Fado de Coimbra.

    Uma homenagem merecida.

    Beijos.

    ResponderEliminar
  4. Os Amigos inesperados são sempre bem vindos, sejam eles quem forem.
    Também não estava a imaginá-lo de viola em punho! Agora que já sabemos este seu "segredo" vamos exigir através de uma petição (online) que deixe a Canon descansar e nos mostre os seus dotes de tocador.

    ResponderEliminar
  5. Também não o imaginava a tocar viola,:) mas fico feliz por isso!! Adoro fado de Coimbra! Quando eu era jovem, uns estudantes de Coimbra, fizeram-me uma serenata que não esquecerei jamais!! Sei a letra do dito fado mas não me lembro do título!!

    "Fui ao Mondego lavar
    as penas das minhas mágoas ( repete )

    Minhas mágoas eram negras
    negras ficaram as águas"!! ( repete )

    Pronto, não canto mais, falta a viola!! eheheheheh

    ResponderEliminar

Obrigado pela visita. Agradeço o seu comentário.