sábado, 14 de julho de 2012

Macaco de Gibraltar


O macaco-de-gibraltar (Macaca sylvanus) é um macaco do Velho Mundo que se encontra actualmente em algumas zonas reduzidas dos Montes Atlas no norte de África e no Rochedo de Gibraltar, no sul da Península Ibérica. É o único primata, além do homem, que pode encontrar-se actualmente em liberdade na Europa.
É um pequeno quadrúpede, nunca superior a 75 centímetros de comprimento e 13 quilogramas de peso. O corpo está coberto de pêlo pardo-amarelado, ligeiramente acinzentado em alguns indivíduos. O rosto, pés e mãos são de cor rosada, e a cauda é apenas um vestígio pouco visível à distância. Os machos são maiores que as fêmeas.
São animais diurnos e omnívoros, que vivem em bosques mistos até mais de 2100 metros de altitude. Movem-se constantemente em busca de frutas, folhas, raízes ou insectos, em grupos de entre 10 e 30 indivíduos de estrutura matriarcal dirigidos por uma fêmea.
Como parte do património de Gibraltar, a alimentação e sobrevivência dos macacos foi da responsabilidade da Royal Navy, até ter sido cedida ao governo gibraltino em 1991. A tradição popular diz que enquanto os macacos persistirem em Gibraltar, este continuará sob domínio britânico, pelo que se chegou ao ponto de, durante a Segunda Guerra Mundial, quando se temia uma possível invasão Hispano-Germânica, o próprio primeiro-ministro britânico Winston Churchill ordenar a vinda de várias dezenas de exemplares do norte de África, para assegurar a sobrevivência da sua exígua população. (fonte Wikipédia)



5 comentários:

  1. Em liberdade e quase em extinção.

    O da tua Bela foto, com um olhar melancólico, parece ter consciência dessa realidade.

    Beijos.

    ResponderEliminar
  2. Um belo registro. Temos que conservar esses animais.

    ResponderEliminar
  3. Já tive oportunidade de os ver a saltitar neste lugar. Gostei da informação e da foto também.

    ResponderEliminar
  4. Uma carinha desconsolada, eles são assim,ou fazem graça ou estao tristes ...
    Bonito registro Jorge

    ResponderEliminar

Obrigado pela visita. Agradeço o seu comentário.