quinta-feira, 12 de abril de 2012

O cigarro e o champanhe


Acabei de ver o Telejornal da RTP e duas notícias me espantaram.

A primeira dizia respeito à ideia bizarra do Ministro da Saúde que quer aprovar legislação que proiba os adultos de fumar nos automóveis quando transportem crianças no veículo.
Como é que isso pode ser interpretado ?
O Presidente do Automóvel Clube de Portugal diz que é uma ingerência na liberdade que cada um tem de fazer o que lhe apetece num local seu e privado.
Eu não concordo.
O que eu acho é que é mais um atestado de menoridade aos portugueses.
Alguém de bom senso e medianamente inteligente acenderá um cigarro dentro do carro, quando transporta os filhos nele? Não acredito.

A outra notícia foi relativa ao Presidente do Gil Vicente Futebol Clube.
Dizia a "sumidade" que, no caso do seu clube ganhar a Taça da Liga irá oferecer champanhe para os sem abrigo de Barcelos acompanharem as suas refeições durante uma semana, nos refeitórios das organizações de apoio social.
E não falou em champanhe português !!! Falou em Moet & Chandon !!!

Já digo como o Filipão: Será que o burro sou eu ????

(foto da net)

4 comentários:

  1. ... acho que há demasiado tempo, sendo português, me tratam como burro!

    ResponderEliminar
  2. ...deixamos que nos façam de burros!

    Beijos.

    ResponderEliminar
  3. Não sei se aí em Portugal alguém acenderia um cigarro dentro do carro com crianças, mas aqui no Brasil tenho certeza que sim.
    Para vocês verem o nível, houve casos de agente comunitário de saúde que tem que procurar a justiça para mães poderem vacinar seus filhos.
    O nível está baixíssimo.
    abç

    ResponderEliminar
  4. Infelizmente já vi, com os meus próprios olhos, adultos a fumarem dentro dos carros com criânças e mesmo bébés de cadeirinha! E algumas das vezes com as janelas fechadas, só com a janela do condutor com uma brecha para sair o fumo!

    A ideia do Ministro de aprovar legislação que proiba tal acto é de aplaudir (coisa rara em Portugal)!

    E que o Presidente do Automóvel Clube dizer que é uma ingerência na liberdade que cada um tem de fazer o que lhe apetece num local seu e privado, só prova que ele é um parvalhão! Principalmente quando, da minha perspectiva de vêr as coisas, se está a violar claramente um dos Direitos fundamentais da Criânça, que faz parte do documento que enuncia um amplo conjunto de direitos fundamentais (Convenção sobre os Direitos da Criança): Todas as crianças têm o direito de viver uma vida saudável. E não se pense que tal documento é apenas uma declaração de princípios gerais, ele representa um vínculo juridíco para os Estados que a ela aderem (como Portugal), os quais devem adequar as normas de Direito interno às da Convenção, para a promoção e protecção eficaz dos direitos e Liberdades nela consagrados.

    ResponderEliminar

Obrigado pela visita. Agradeço o seu comentário.