terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Risco de pobreza para 20% das crianças portuguesas


Portugal está entre os seis países da União Europeia onde mais famílias com crianças abaixo dos seis anos de idade vivem no limiar da pobreza, revela um estudo da União divulgado, esta segunda-feira, em Bruxelas e disponibilizado na Internet.

Dados do Tackling Social and Cultural Inequalities through Early Childhood Education and Care in Europe indicam que um quinto (21 %) dos agregados familiares portugueses com crianças com menos de seis anos está à beira da pobreza. A tabela que é liderada pela Polónia (25 %), seguida da Lituânia (22,8), Reino Unido (22,6), Estónia (22,2) e Itália (21,1).

No extremo oposto estão a Noruega (6,7), Suécia (9,3) e Eslovénia (10,9). A média europeia é de 17,2 por cento. Os dados do estudo referem-se a 2005 e abrangem os estados não comunitários da Noruega, Islândia e Liechtenstein. (Fonte: Jornal de Notícias)