quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Faleceu Milú


Maria de Lurdes de Almeida Lemos conhecida apenas por Milú (1926-2008), foi uma grande actriz de cinema e teatro de revista portuguesa.
Estreou-se aos doze anos no filme "Aldeia da Roupa Branca" ao lado de Beatriz Costa.
Extremamente bonita e fotogénica, encantou gerações de portugueses e portuguesas, podendo, sem favor ser comparada às "estrelas" de Hollywood.
Foi também uma presença assídua na rádio, onde começou a cantar aos dez anos .
Em 1942 é a "Luisinha" no filme "O Costa do Castelo", de Artur Duarte, e a sua voz imortalizou a música "Minha Casinha" mais tarde reinterpretada pelo conjunto musical "Xutos e Pontapés", com enorme sucesso.
Outro sucesso foi "Cantiga da Rua".
Casou pela primeira vez, em Dezembro de 1943, aos dezassete anos. Lisboa despovoou-se para ir ver a noiva à igreja de São Sebastião da Pedreira.
Interrompeu a sua carreira artística, mas os e as fãs obrigaram-na a regressar.
E mais sucessos se seguiram, numa das épocas mais criativas do cinema português: "Cantiga da Rua","O Leão da Estrela", em 1947, "O Grande Elias", em 1950, entre outros.
Foi sem sombra de dúvida "a namoradinha de Portugal".
As revistas de cinema e quase todas as outras escolhiam-na para capa, pois a sua beleza deslumbrava.
Fez teatro de revista no Teatro Avenida, nomeadamente em "Ó Rosa Arredonda a Saia" e no Teatro Variedades com "A Vida é Bela" e entrou em alguns filmes em Espanha, nos anos de 1943 e 1946.
Casou, pela 2ª vez em 1960 e viveu no Brasil até 1968, tendo actuado na televisão brasileira, esporadicamente.
A sua última aparição em cinema foi em "Kilas o Mau da Fita", de José Fonseca e Costa, em 1980.
Faleceu a 4 de Novembro de 2008. (Fonte: O Leme)


A Minha Casinha


Cantiga da Rua

1 comentário:

  1. Era criança, mas lembro-me bem da MINHA CASINHA.
    Lembro também a MILU na capa da FLAMA.
    E dos filmes, quem se pode não lembrar ?

    Que tenha morrido em sossego.

    ResponderEliminar

Obrigado pela visita. Agradeço o seu comentário.